Kenka Bancho Otome

Gente comecei a ler o mangá e me apaixonei!!! Tãaaaao fofo!!
O animê tem episódios bem curtinhos, mas até agora está adaptando bem o mangá!

Otomices

Kenka Bancho Otome (喧嘩番長 乙女) é o novo otome game para PS Vita que está para vir. Baseado na popular série de jogos Kenka Bancho, o jogo estará sendo produzido pela Spike Chunsoft (Danganronpa) e desenvolvido pela Red Entertainment (Fire Emblem: Awakening). De acordo com o site oficial, o jogo é “um presente para as gamers que estão cansadas daquele padrão de jogos de romance“.

Ver o post original 1.762 mais palavras

Retrospectiva Março Abril 2017!

007 Contra Spectre (Spectre)Terremoto: A Falha de San Andreas (San Andreas)A Bela e a Fera (Beauty and the Beast)Dragon Ball Z: O Renascimento de Freeza (Dragon Ball Z: Fukkatsu no Freeza)

Círculo de Fogo (Pacific Rim)Milagres do Paraíso (Miracles from Heaven)Warcraft: O Primeiro Encontro de Dois Mundos (Warcraft)Herança de Sangue (Blood Father)

Logan (Logan)Super Lovers (2 temporada) (スーパーラヴァーズ)Sangatsu no Lion (3月のライオン)Ore Monogatari!! (俺物語!!)

Youjo Senki (Youjo Senki)Demi-chan wa Kataritai (亜人ちゃんは語りたい)

Demorei toda vida para postar de novo, Sorry!!!

007 contra Spectre (2015): 007 já perdeu a mão a um tempo, mas o filme em si não é ruim, tem umas boas cenas de lutas, mas o enredo ficou meio “recortado”, as coisas foram meio que jogadas na nossa cara, não teve um passo a passo para a descoberta do vilão e a organização Spectre foi praticamente deixada de lado.

Terremoto: A falha de San Andreas (2015): Eu adoro filmes catástrofe, esse aqui entrou para minha lista de favoritos do gênero com certeza, além de ótimos efeitos, o filme cria expectativa e tensão o tempo todo, se eu fosse procurar defeitos para falar poderia dizer que as pausas entre os tremores foram muito estratégicas, e a relação dos pais poderia ter sido um pouco mais desenvolvida, etc…Eu gostei do filme!!

A bela e a fera (2017): Como eu estava louca para assistir esse filme!!! A animação é uma das minhas preferidas da Disney, e fiquei encantada com a forma que foi adaptada. Seguindo a mesma linha de Cinderela, mudaram pouquíssimas coisas do original (o que foi bom), sinceramente não entendi a confusão que o povo fez com relação ao personagem Gay, não apareceu nada de mais, as crianças mesmo não iam nem perceber as referencias, nós adultos é que já temos a mente aberta para essas coisas é que percebemos de fato (e ainda assim foi sutil).

Dragon Ball Z: O renascimento de Freeza (2015): Eu estava com saudades dos personagens de Dragon Ball, achei uma graça ver a dinâmica dos personagens mais velhos, Vegeta e Bulma são meus personagens preferidos! Adoro ver os dois, o filme em si não nos trás novidades, é mais do mesmo, mas foi divertido de assistir.

Circulo de Fogo (2013): Bom filme de ação, gostei do elenco e da história em si, foi legal.

Milagres do paraíso (2016): Filme baseado em fatos reais, relata a luta de uma família que tem uma de suas filhas com uma grave doença, os atores fizeram um trabalho fantástico e a dor e sofrimento são muito bem transmitidas, o foco da história é a fé da família e como o próprio nome do filme já nos adianta um milagre de cura. É bem interessante.

Warcraft: O primeiro encontro de dois mundos (2016): Se não tiver a sequencia vai ser uma merda!!! Ele é como uma apresentação dos personagens para um próximo filme, quem achávamos que ia ser um dos protagonistas, não é, então…vamos ter que aguardar. (sim eu gostei do filme, mas ele ficou muito aberto, corrido, eu preciso da sequencia).

Herança de Sangue (2016): Gostei, funcionada bem, o enredo é simples, e Mel Gibson o carrega perfeitamente.

Logan (2017): Como todo filme do x-men o roteiro é todo furado, simplesmente aceite o que eles dizem e pronto! A relação entre Charles e Logan rende ótimas cenas, fiquei encantada com  a Dafne Keen, fez trabalho de gente grande!!

O contador (2016): Eu adorei esse filme, foi um dos melhores com o Ben Affleck que vi até agora, a premissa é bem interessante, e tudo é explicado até o final do filme.

Super Lovers 2 temporada (2017): Muito fraca se comparada a primeira, quase desisti de assistir, ficou realmente cansativo, a censura provavelmente foi a grande responsável.

Sangatsu no lion (2016): Eu espero que tenha segunda temporada, pois eu adoreeeeei esse anime, os personagens são muito fofos, e eu realmente quero saber o que vai acontecer com eles, as melhores partes são com as meninas, fica muito bonitinho.

Youjo Senki (2017): Gostei muito da Tanya, achei ela um personagem fantástico, inteligente, forte…Teve um momento que se tornou um pouco repetitivo, mas o embalo para o final foi ótimo, espero que tenha a próxima temporada!

Demi-Chan wa kataritai (2017): Slice of life bem levinho, o tema sobrenatural é um pano de fundo para mostrar a relação de adolescentes se adaptando a vida escolar e bem leve e divertido.

Ore Monogatari (2015): Eu ri tanto com esse anime, achei fofo e divertido, tinha visto muitas recomendações para ele, e realmente atendeu minhas expectativas.

Gente me ajuda!!!!

Oi gente!!!

Então como falei para vocês estou escrevendo meu TCC, e ele está na reta final!!!!!!

GRAÇAS A DEUS!!!!!

Mas eu preciso de uma ajudinha de vocês, o questionário é super rápido, vocês não precisam se identificar, as respostas são de múltipla escolha, só a ultima pergunta é para escrever e não é obrigatória de responder (Apesar que seria ótimo se vocês responderem!)

É só copiar esse link: https://goo.gl/forms/Ssl6i4lIEcKEiHlF2

Caso o formulário abaixo de erro!!!

Então quem puder responder eu agradeço muuuuuito!!

Animes que estou Acompanhando!!

Sangatsu no Lion (Outubro/2016):

CeUlx2mUsAENonX

A história segue um jogador de shogi solitário chamado Rei e o seu relacionamento com uma família vizinha. Ele familiariza-se com Akari e duas garotas, Hinata e Momo, que também têm um grande número de gatos.

Estúdio: Shaft • Episódios: 23 • Duração: 25 min.

Demi-chan wa kataritai (Janeiro/2017)

s07a95088e7e4a

Monstros lendários andam entre nós, vai pelo nome de “demi-humanos”. Desde que ele descobriu os “demis”, um jovem tornou-se obcecado com eles. Então, quando ele consegue um emprego como professor em uma escola secundária para demi-girls, seu sonho se torna realidade! Mas essas demis, que incluem uma vampira indisciplinada, uma menina tímida sem cabeça, e uma súcubo, têm todos os problemas que adolescentes normais têm, no topo de suas condições sobrenaturais. Como lidar com uma sala de aula cheia delas?!

Youjo Senki (Janeiro/2017)

81473

A história acompanha um homem que é reencarnado em outro mundo como uma garota, depois de deixar um “Deus” nervoso com ele. Nesse mundo ele continua sua filosofia meticulosa e racional que o levou ao sucesso em seu mundo anterior. Agora, um oficial do exército de alta patente, dado sua notória capacidade intelectual, ele se tornará uma das mais temidas feiticeiras dentro do exército imperial.

Retrospectiva Fevereiro 2017

Pets: A Vida Secreta dos Bichos (The Secret Life of Pets)Passageiros (Passengers)Jack Reacher: Sem Retorno (Jack Reacher: Never Go Back)Forças Especiais (Forces Speciales)

Cinquenta Tons Mais Escuros (Fifty Shades Darker)John Wick: Um Novo Dia Para Matar (John Wick: Chapter Two)Doutor Estranho (Doctor Strange)Estrelas Além do Tempo (Hidden Figures)

A Chegada (Arrival)Redenção (Machine Gun Preacher)

Para variar estou super atrasada com o post (Sorry!!!!)

Pets: A vida secreta dos bichos (2016): Sinceramente eu esperava mais, o trailer tinha todas as cenas boas do filme, o resto foi muito meia boca.

Passageiros (2016): Eu gostei muito, tanto visualmente como a trama em si, ótimas atuações!!

Jack Reacher: Sem retorno (2016): Estou numa vibe de assistir filmes de ação e não pude deixar de ver esse, gosto muito dos filmes do Tom Cruise (quase todos), acho um máximo ver os bastidores.

Forças especiais (2011): Que visual incrível, as locações desse filme são lindas, o enredo é bem tenso, e você fica super aflita o filme todo para saber quem vive em quem morre, achei muito bom!!

Cinquenta tons mais escuros (2017): O filme teve uma pegada diferente do primeiro, e algumas mudanças em relação ao livro, o que foi bom, a Ana melhorou um pouco e ficou menos “songa monga”.

John Wick: Um novo dia para matar (2017): O filme é bom, tem ótimas cenas de ação, mas acho que pecaram um pouco na dose, repetindo de mais o fator “Eu sou foda”, que funcionou melhor no primeiro filme por ser novidade, aqui ficou meio cansativo. Mas mesmo assim vou querer assistir a sequencia.

Doutor estranho (2016): Demorei um pouco para assistir esse, e achei ótimo!!! Tanto os efeitos, quanto o carisma do personagem, Benedict Cumberbatch fantástico como sempre.

Estrelas além do tempo (2016): Esse foi tão bom que rendeu um post só para ele aqui!

A chegada(2016): Filme suuuuuper parado, mas conseguiu prender minha atenção do começo ao fim, mesmo com minha internet travando, o que significa que o filme é bom.

Redenção (2011): O filme é baseado em fatos reais, eu sempre fico chocada com a brutalidade desses grupos

No cinema: Estrelas além do tempo

Que filme fantástico!!!! Conseguiu tratar um tema tão pesado de forma digerível e emocionante. Eu sempre fico chocada quando vejo filmes que retratam essa época tenebrosa (segregação racial), parece coisa de outro mundo.

A abordagem da história foi muito interessante, de forma que pessoas leigas podem experimentar um pouco das informações, sem ficarem perdidas…Tem clichês? Tem, mas eles foram necessários para dar certa “leveza” a história. Recomendo!

mv5bmjqxotkxoduyn15bml5banbnxkftztgwntu3ntm3ote-_v1_sy1000_cr006741000_al_

Sinopse: A história é centrada em Katherine Johnson (Henson), uma brilhante matemática afro-americana que, ao lado das colegas Dorothy Vaughn e Mary Jackson, foi peça fundamental numa das maiores operações da história dos Estados Unidos: o lançamento do astronauta John Glenn para a órbita da Terra e seu retorno em segurança. Junto, o trio ultrapassou todos os limites de gênero, raça e profissionais para embarcar e serem muito bem-sucedidas nessa missão pioneira.

Retrospectiva Janeiro 2017

Sete Homens e Um Destino (The Magnificent Seven)Comando Para Matar (Commando)Perfeita é a Mãe (Bad Moms)Magia ao Luar (Magic in the Moonlight)

A Força em Alerta (Under Siege)A Força em Alerta 2 (Under Siege 2: Dark Territory)Tokyo Ghoul (1ª Temporada) (東京喰種-トーキョーグール-)Heroin (上癮网络剧)

Black Mirror (1ª Temporada) (Black Mirror (Series 1))

Sete homens e um destino (2016): Ainda não assisti as versões antigas, mas gostei muito desse, elenco sensacional e ótimos momentos, mas esperava mais da protagonista feminina.

Comando para matar (1985): Eu adoro esse tipo de filme, sempre me divirto com as tosqueiras, e os clichês.

Perfeita é a mãe (2016): Filme de sessão da tarde, muito divertido.

Magia ao luar (2014): Fiquei bem decepcionada com esse filme, consegui assistir até o final com muita força de vontade, o elenco é ótimo, mas a história não tem nada de interessante.

A força em alerta 1 (1992) e 2 (1995): São histórias completamente independentes, com exceção do personagem principal ser o mesmo, eu gostei de ambos, adoro os filmes de ação dessa época, com boas cenas de lutas e piadas soltas.

Tokyo Ghoul (1 temporada – 2014): Gostei muito desse anime, assisti todos os episódios em um único dia, o que é muito raro, pois normalmente perco a atenção e parto para outro. Já existe a segunda temporada, logo logo devo pegar para assistir, acho que esse foi o primeiro anime de suspense-terror-ação que assisto.

Heroin (1 temporada – 2016): Essa é uma web serie chinesa BL, ela foi censurada pelo governo chinês então algumas cenas tiveram que ser cortadas, mas o pessoa que fez a legenda em pt, escreveu o que deveria acontecer na cena, a série é baseada em uma light novel, então eles se basearam nela para dizer o que deveria ter acontecido. Eu gostei bastante, normalmente as atuações asiáticas me tiram do sério, por serem geralmente muito forçadas, mas aqui eu realmente gostei de tudo. E espero realmente que deem continuidade, pois terminou num momento bem interessante.

Black Mirror (1 temporada – 2011): Dizem que a terceira temporada é muito boa, espero que seja melhor que essa pelo menos, o único episódio que eu achei interessante foi o do “porco”, que foi muito tenso..para dizer o mínimo.