Edward Norton

Edward Harrison Norton (Boston, 18 de Agosto de 1969)

Nasceu em Boston, no estado de Massachusetts, mas cresceu em Columbia, no estado de Maryland. Tem dois irmãos mais novos Molly e James Norton. Seu pai Edward Norton Sr. foi advogado do ex presidente americano Jimmy Carter e à seu avô James Rouse é dado o crédito de inventor dos modernos centros comerciais (shopping malls) de hoje em dia. Anos após se formar na Wilde Lake High School, construiu um novo auditório e deu o nome de seu avô, James Rouse, ao local;

Norton começou a carreira como ator no teatro, quando matriculou-se aos oito anos na Orenstein’s Columbia School for Teathrical Arts, onde participou do espetáculo “Annie Get Your Gun”.

Em 2003, Foi premiado com o “Village Voice Obie Award” por seu papel na peça off-Broadway “Burn This”.

Estudou e se formou em História na Universidade Yale e, paralelamente, continuou os estudos teatrais, participando de cursos e workshops. Depois de formado, chegou a morar em Osaka, no Japão, onde trabalhou com seu avô numa empresa de projetos de construção para população de baixa renda, fala espanhol e se sai bem no japonês, devido a experiência vivida naquele país;

Seu primeiro papel no cinema, e também o de maior destaque em sua carreira, foi “Duas faces de um crime” (1996), onde atuou ao lado de Richard Gere, e foi indicado ao Oscar e ganhador do Globo de Ouro na categoria “Melhor ator coadjuvante”. O filme é incrível e entrou em minha lista de filmes surpreendentes, juntamente a outro filme com ele, mais recente, “O ilusionista” (2006).

Curiosidade: O personagem Aaron Stampler (Duas faces de um crime), no livro, não sofre de gagueira. A ideia foi do ator e terminou incorporada;

Em seguida trabalho nos filmes “Todos dizem eu te amo” (1996), “O povo contra Larry Flynt” (1996), “Cartas na mesa” (1998), “A outra história americana” (1998), onde novamente foi indicado ao Oscar de melhor ator coadjuvante,  “Clube da luta” (1999), “Tenha fé” (2000), onde estreou como diretor e também produziu o filme. “A cartada final” (2001), “Morra, Smoochy, Morra” (2002).

Curiosidade: Cantou as músicas “Smoochy’s Methadone Song”, “The Friends Song”, “My Stepdad’s Not Mean He’s Just Adjusting”, “Smoochy’s Magic Jungle Theme”, “The Cookie Chant”, do filme Morra, Smoochy, Morra (2002);

“Dragão vermelho” (2002), “Frida” (2002), onde ajudou no roteiro, mas não recebeu créditos por isso. “A ultima noite” (2002), “Uma saída de mestre” (2003), “Cruzada” (2005), “Vale proibido” (2005), “O despertar de uma paixão” (2006), “O incrível Hulk”, (2008).

Recusou o papel de Bruce Banner em “Hulk” (2003), aceitou em “O Incrível Hulk” (2008) e acabou descartado, em 2010, para repetir o personagem em “Os Vingadores” (2012).

“Força policial” (2009), “Bustin’ Down the Door – As Lendas do Surf”(2009), “Irmãos de sangue” (2009), “O Primeiro Mentiroso” (2010), Homens em Fúria (2010), “O ditador” (2012), “Moonrise Kingdom” (2012), “O Legado Bourne” (2012), “Memórias de Salinger” (2013) e os mais recentes “Birdman” e O grande hotel Budapeste”.

 

Vida pessoal:

Em 1996, começou a namorar com Courtney Love, os dois conheceram-se no set de filmagens de “O povo contra Larry Flynt, e chegaram a ficar noivos. Em julho de 1998, saiu em defesa da cantora, criticando uma resenha do documentário “Kurt & Courtney” (1998), que afirmava que o cantor Kurt Cobain tinha sido assassinado e não se suicidado. Em dezembro do mesmo ano, toucou guitarra com Courtney e sua banda em dois shows realizados em Los Angeles; Eles terminaram o relacionamento em 1999.

De 1999 até 2003, namorou a atriz Salma Hayek, atualmente é casado com a produtora Shauna Robertson, com quem tem um filho.

Fontes: AdoroCinema, Wikipédia, Celebridades UOL,

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s