Quero ir: Museu Ghibli

Mais uma novidade do blog, hoje lanço para vocês a coluna “Quero ir”, que como o próprio nome diz são lugares que tenho vontade de conhecer.

Para começar trago o Museu Ghibli, que fica em  Mitaka, Tóquio, Japão. Não sei se já falei para vocês mais sou grande fã dos filmes do Studio Ghibli que é um estúdio de animação japonês fundado em 1985 por Hayao Miyazaki, Isao Takahata, Toshio Suzuki e Yasuyoshi Tokuma.

O museu foi elaborado pelo próprio Hayao Miyazaki. O projeto foi influenciado pela arquitetura européia, como a vila de Calcata, na Itália. Seu planejamento começou em 1998. Já a construção começou em Março de 2000, e foi aberto oficialmente 01 de Outubro de 2001.  Em si é uma obra caprichosamente desenhada que remete aos diferentes filmes, e muitos de seus famosos personagens estão lá, incluindo o robô em tamanho real de Laputa no jardim da cobertura.

O primeiro andar do museu apresenta a história e as técnicas de animação e tem um pequeno auditório onde são projetados curtas metragens produzidos exclusivamente pelo Studio Ghibli para o Museu, com uma programação nova a cada mês.

O segundo andar abriga exposições temporárias especiais.
O Museu tem ainda um café, um parque infantil, um jardim na cobertura e uma loja de souvenir.

Exposições Permanentes

No piso inferior está uma sala de exposição mostrando a história e a ciência de animação. Um dos displays é um zootrópio tridimensional chamado “Bouncing Totoro” (em português seria “Totoro Saltitante”) que contém miniaturas de morcegos sorridentes e personagens como o Nekobus, Satsuki, Mei, um grande Totoro juntamente com os menores, cada um em uma pose ligeiramente diferente, dispostos em anéis e girando em uma mesa. O estroboscópio joga faixos de luz que cintilam junto dos modelos rotativos, iluminando cada um à medida que passam pelo mesmo local, criando uma ilusão de movimento que mostra como a animação funciona.

P01IM27 e1403612717938 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Sala de Animação

No primeiro andar está uma sala que simula a de um estúdio de animação, com desenhos, quadros de história, material de referência e mais para olhar. Também é mostrado o processo de criação de um filme de animação, a partir de esboços, storyboards, keyframing, coloração, pintura de fundo, etc

Ghibli017 480x320 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Tri Hawk’s

Inaugurada em 6 de fevereiro de 2002, é uma livraria e sala de leitura do Museu Ghibli. A equipe também faz leituras de livros encontrados na exposição a os que estão a venda em Tri Hawk’s.

tri4 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Mamma Aiuto!

Localizada na parte superior do Museu Ghibli, é a loja de lembranças que tem o nome da gangue de piratas aéreos do filme Porco Rosso.

mamaaiutoshop1 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Straw Hat Cafe

É a cafeteria temática e único restaurante do Museu Ghibli com personagens de filmes do Studio. Foi criado com a ajuda de uma dona de casa que também é mãe de quatro filhos. Hayao Miyazaki quis que a comida do café fosse “uma espécie de comida caseira”. O café utiliza ingredientes frescos e todas as frutas e legumes utilizados na alimentação do café são cortadas à mão.

ghibli museum cafe1 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Jardim da Cobertura

No piso superior do museu existe um jardim com uma estátua em tamanho real do robô de Laputa. O robô foi feito por um artista chamado Kunio Shachimaru. A estátua é feita de bronze e levou um ano para ser criada. A pedra angular de Laputa também pode ser encontrada lá. A pedra que possui uma inscrição em antigo cuneiforme persa, é uma réplica da pedra da sala de controle encontrado no castelo flutuante, Laputa.

198830621 e8812c8e6d z A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Nekobus Room

Há também uma área infantil para crianças com até 12 anos onde fica um Nekobus gigante, igual o do filme Meu Vizinho Totoro, para brincar dentro. A palavra Mei, escrito em hiragana, está na placa de destino do Nekobus.

p1010948 767x1024 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Saturn Theater

Localizado no piso inferior do Museu Ghibli é o local de exibição de vários curtas-metragens. Estes só podem ser vistos no Museu. O Saturn Theater tem janelas automáticas inferiores que se abrem antes e depois de cada exibição de seus curtas-metragens. Isso ocorre porque Hayao Miyazaki desenhou o teatro com crianças pequenas em mente, que poderiam ter medo do teatro fechado. O museu exibe os seguintes curtas-metragens:

Ghibli 9 A História do Museu Ghibli e seus 12 anos de Funcionamento

Koro’s Big Walk (Koro no dai-sampo)
Water Spider Monmon (Mizugumo Monmon)
Mei and the Kittenbus (Mei to Konekobasu)
The Day I Harvested a Star (Hoshi o Katta Hi)
The Whale Hunt (Kujiratori)
Looking for a home (Yadosagashi)
A Sumo Wrestler’s Tail (Ch?zum?)
Mr. Dough and the Egg Princess (Pan dane to tamago hime)
Treasure Hunt (Takara Sagashi)

Exibições Especiais

Além de exposições Ghibli orientadas, o Museu abriga uma área onde traz outros trabalhos de animação. Essas exibições não são permanentes.

O horário de funcionamento do Museu é das 10:00 às 18:00. Ele fica a 15 minutos a pé da estação de Mitaka. Há também um ônibus que vai da estação Mitaka ao Museu a cada 10 minutos. É necessário que as entradas sejam compradas com antecedência tanto em agências de viagens quanto na loja de conveniência Lawson no Japão.

Fonte: StudioGhibli BR,

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s