Michelle Yeoh

images (5)

Michelle nasceu em Ipoh, na Malásia em 06 de agosto de 1962. Seus pais chineses lhe deram o nome chinês de Yeoh Choo Kheng. Quando jovem era um moleque e adorava muitos esportes, passou incontáveis ​​fins de semana praticando natação e mergulho com as amigas no Clube Natação Ipoh, que ficava ao lado da casa de seus pais, chegou até a representar a Malásia, a nível nacional para a natação, squash e mergulho.  No entanto sua verdadeira paixão era a dança, principalmente ballet, que iniciou o treinamento aos quatro anos.

Recebeu a sua formação inicial em inglês em um colégio de freiras ainda na Malásia. Aos 15 anos, foi matriculada em um internato na Inglaterra, entrando mais tarde na London Royal Academy of Dance, com especialização em Ballet, contudo uma contusão na espinha, ocorrida quando praticava em seus anos de faculdade, a impediu de seguir seu sonho de ser uma bailarina clássica e ela passou a ensinar coreografia e outras artes ligadas à dança.

Em 1982, Michelle recebeu um grau de bacharel em Artes, com especialização em Drama. Depois de receber seu diploma de bacharel, ela continuou seu estudo de pós-graduação na Inglaterra. Ao retornar para a Malásia em suas férias de verão, em 1983, ela não sabia que sua mãe a  havia inscrito no concurso Miss Malásia, para agradar a mãe seguiu em frente com o resto da competição, sendo coroada Miss Malásia aos 21 anos, participando também do concurso de Miss Mundo em Londres.

miss malasia 1983

No ano seguinte, Michelle não voltou para a Inglaterra para continuar os estudos avançados. Em vez disso, ela serviu seu mandato de um ano como Miss Malásia (um posto que ela comparou a ser uma embaixadora da boa vontade para o seu país). Perto do final de seu mandato como Miss Malásia, ela foi apresentada a um empresário de Hong Kong chamado Dickson Poon, como o qual foi casada de 1988 à 1991, que estava à procura de alguém para fazer um comercial com o astro de ação Jackie Chan, sua participação chamou a atenção e lhe valeu um convite de produtores cinematográficos de Hong Kong para atuar em filmes e comerciais.

jack e michele

Apesar de não ser uma especialista em artes marciais, Michelle se tornou famosa no Sudeste Asiático por participar de filmes de grande popularidade sobre o tema, como “Justiça em dose dupla” e “Police Story 3”. Para compensar sua falta de conhecimento em lutas, usava sua experiência como bailarina, característica repetida pela atriz Zhang Ziyi, e geralmente dispensava dublês para as cenas de ação mais perigosas.

Sua fama nestes filmes acabou lhe rendendo um convite de Hollywood e em 1997 ela estrelou o filme “007  – O Amanhã Nunca Morre”, ao lado de Pierce Brosnan, onde interpretou o papel de uma agente secreta chinesa, Wai Lin, perita em artes marciais.

bond23_97__2045026i

Com o sucesso do filme de James Bond e de outro filme com sua participação, “O Tigre e o Dragão”, filmado em Taiwan com atores chineses, sucesso de bilheterias nos Estados Unidos e vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro de 2000, Michelle virou uma celebridade mundial.

Infelizmente ela fez poucos filmes depois destes sucessos, a maioria filmes chineses ou pequenos filmes independentes americanos, o mais conhecido e premiado deles foi “Memórias de uma Gueixa” (2005). Também participou do filme de ação “A Múmia: Tumba do Imperador Dragão” (2008) e deu a voz ao personagem The Soothsayer na animação “Kung Fu Panda 2” (2011).

Em abril de 2001, ela recebeu do Sultão de Perak, seu estado natal, o título de Datin. O título é uma comenda honorária da Malásia que corresponde ao de Dame na nobreza britânica.

Ela está casada com Jean Todt que é o atual presidente da Federação Internacional de Automobilismo e diretor executivo que faz parte do quadro de conselheiros da Scuderia Ferrari na Fórmula 1.

Jean+Todt+Michelle+Yeoh+UGrgP9RkqDrm

O último filme lançado de Michelle é uma cinebiografia sobre o Ícone da luta pela democracia birmanesa e Nobel da Paz Aung San Suu Kyi. Dirigido pelo diretor francês Luc Besson, a produção de “Além da liberdade” (2011) ocorreu na Tailândia, Londres e Paris. Michelle considera esse o papel de sua vida.

“Estou muito orgulhoso deste filme, acreditamos que esta é uma história muito importante para dizer, por causa de quem Daw Suu é e por causa do que ela está lutando para – Com palavras – pela liberdade, pela democracia, pelos direitos humanos”.

the lady1

O filme foi premiado com o Prêmio Internacional de Cinema de Direitos Humanos da Anistia Internacional, Cinema para a Paz, e A Rede de Cinema de Direitos Humanos no Cinema para a Paz 2012 Gala em Berlim no início de 2012. Michelle foi conferido o Officier de la Légion d’Honneur, a maior honraria civil da França, pelo presidente da França.

Fontes:

Michelleyeoh.info, Wikipedia1 e 2, IMDb.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s